Fics

online
Love is not a feeling... It's strength.
Domingo, 11 de Abril de 2010

7º Capítulo - Promessa

Olá minhas psicos :D

Hoje andei aí a morrer pela casa à espera de comentários xD. Só vi um filme e uma série e de resto andei por aqui, a pensar que amanhã, às 8.30h estou a ter educação física -.-

Ah, também andei a comer tudo o que por aí encontro... já que esta semana mal tive refeições de jeito, agora compenso com os chocolates da Páscoa, bolachas e morangos cheios de açúcar x)

 

Anica, voltaste! oooow *.*

Já estive a ler a tua fic :D

Quem estiver com fics no inicio que me avise, porque eu ando perdida e só vejo fics a meio :(

 

Divirtam-se aí com o charme do Mister Tom e quando encontrarem a hiperligação para a a carrinha, imaginem-na mais velha(pintura baça e assim) ;D

Beijinhos e bom começo de aulas para amanha (grr -.-)

 

Marii K.

 

VII

 

Depois de a banda ter entrado dentro do hotel Georg, Gustav e Bill despediram-se e foram para os respectivos quartos, deixando Tom e Alice na entrada, ambos calados e algo constrangidos.

Tom colocou a mão no ombro de Alice tão levemente que mal se sentia, incentivando-a a sair do hotel. Ambos andaram em silêncio, como se as acções de falar e caminhar fossem difíceis de conjugar.

Quando chegaram perto do parque de estacionamento Alice fixou-o.

- Não trouxeste o carro, certo?

Tom abanou a cabeça e sorriu. Depois dirigiu-se ao balcão de pagamento e falou durante alguns minutos. Acabou por voltar com uma chave na mão e conduziu Alice até uma station wagon verde-escura, ambos gargalharam com o aspecto do carro, com a tinta baça e de um tamanho monstruoso em termos de comprimento.

- Onde vamos? – Perguntou Alice.

- Diz-me tu – Tom sorriu, tamborilou com a chave por cima do tejadilho da carrinha e atirou-a.

Alice rodou-a nos dedos, atirou-a de novo para Tom.

- Eu não sei conduzir

Um sorriso formou-se nos lábios de Tom, Alice fixou o ponto do piercing e depois abriu a porta da carrinha ao mesmo tempo que ele.

- Muito bem, então já sei onde vamos – disse Tom, ligando a ignição.

A carrinha emitia um ruído errante, Tom parecia divertido. Alice ajustou o cinto, que a arranhava no pescoço. Estava provavelmente regulado para alguém mais baixo.

- Ficaste assustada com o Bill? – Perguntou Tom.

- Não, claro que não… eles são todos óptimos.

Tom sorriu, Alice viu as suas mãos agarrarem o volante de tamanho excessivo com os dedos grandes e finos. Olhou para os seus próprios dedos e comparou o tamanho. Imaginou a sua palma contra a dele, os seus dedos a mal chegarem aos nós dos dedos de Tom.

- Posso-te fazer uma pergunta?

Alice desconcentrou-se do tamanho das mãos, olhou para o caminho imediatamente.

- Claro

- Estás aqui… e a tua mãe sabe?

Alice comprimiu os lábios.

- Não exactamente…

- Porquê? – Questionou Tom, antes de virar para um lado mais escuro da cidade.

- Porque ela muitas vezes não… aprova as minhas companhias

- Ah! – Suspirou Tom – Então achas-me uma má companhia? Tem a ver com o quê? O facto de eu fumar? Ainda não fumei à tua frente – Olhou para Alice, que estava estagnada no banco, movendo a boca para se desculpar, deu-lhe vontade de rir – Ou tem a ver com o facto de eu ser uma estrela de rock? Eu já não me meto em drogas e assim…

- Eu não… - começou Alice – Desculpa, eu não –

- Estava a brincar Alice – disse rapidamente, agarrou nas mudanças e ao fazê-lo tocou sem querer na mão de Alice. Esperou que ela a movesse imediatamente, envergonhada ou intimidada, mas não o fez. Limitou-se a engolir em seco e sorrir timidamente para Tom. O sorriso estava expresso mesmo nos olhos de Alice, que brilhavam com a luz ténue do cais onde Tom acabou por parar o carro.

- Agora é a tua vez – disse ele.

- De quê?

- És tu a conduzir

Tom tirou o cinto e saiu, dando a volta ao carro para abrir a porta a Alice.

- Não, não… esquece isso – disse ela

- Oh, vá lá… já deves ter experimentado uma vez!

Ela abanou a cabeça e saiu do carro, reticente.

- A sério? Mesmo nunca?

- Não, nem nunca vai acontecer… eu ainda nos mato aos dois

- Vá lá… nunca digas nunca

Tom sorriu e colocou-lhe as mãos nas costas, empurrando-a para o lugar do condutor. Apertou-lhe o cinto e olhou-a bem perto, nos olhos. Tão perto que sentia o cheiro do perfume de Alice mesmo ali, a entrar dentro de si. Ela não se sentiu incomodada, estava com um sorriso nervoso, mas talvez por ir conduzir pela primeira vez.

- Vais ver que não ver ser assim tão difícil – murmurou antes de sorrir, terno, e fechar a porta do carro para depois se sentar no lugar do lado.

tags:

publicado por Marii R. às 19:18

link do post | Comenta e o Tom levanta a camisola | favorita-me
|

abdominais:
De ourfanfiction a 11 de Abril de 2010 às 19:58
Hello :D a nao acredito, ja estive a ler os teus comentários! QUE SAUDADES, NAO TENS NOÇÃO! OBRIGADA! (claro que depois agradeço mais formalmente, hihi)

Opá esta fic..é simplesmente amorosa. Gosto tanto da Alice! e principalmente fe-me lembrar a mim, porque eu tambem nao sei conduzir e ja devia de saber ahha
O Tom e tao carinhoso para ela, pelo facto de se preoucupar com ela e conhece-la ha tao pouco tempo! Marii,explicas-me como e que consegues tornar uma pessoa tao viciada na tua fic, e so vamos ainda no inicio? Claro que nao e uma coisa ma! muito antes pelo contrário, mas irritas-me por escreveres taaao bem! "O sorriso estava expresso mesmo nos olhos de Alice, que brilhavam com a luz ténue do cais onde Tom acabou por parar o carro."
E adoro o Billie claro. So o facto de o referires ^^ ahah
QUERO MAIS! PLEAASE! :D

Grande beijinho, Anica! Love you!


De ourfanfiction a 11 de Abril de 2010 às 19:59
P.s -adorei o carro! estava lindo :D ahah


De tânia. a 11 de Abril de 2010 às 20:36
Tão fofinhos, a sério :$
Oww, que carro xD
xoxo,


De Tommazinha a 11 de Abril de 2010 às 20:59
Hallo!!!

Tinha que ser o Tom a levar a Alice para o volante pela primeira vez :)
E será que ela se vai dar bem? Talvez sim, talvez nao tenha chegado o dia do fim deles xD
Mas de qualquer das maneiras eles ficam tão fofos quando estão juntos *.*
Estes dois ainda vão dar muito que falar... =D
Quero maissssssss e maisssssss

Meti conversa contigo hoje no msn mas a dona Mariana não me respondeu xD
Mas eu vi que tavas ausente, só que podia ter sorte

Bjão grande ;)


De Marii R. a 11 de Abril de 2010 às 21:46
Eu seii, desculpa só vi depois :S
Fica para a próxima, agora já sei quem és, tenho de ver se te apanho :D

Ainda bem que estás a gostar *.* e siim, vão dar que falar =)

Beijinhos querida


De ∞ quinn a 11 de Abril de 2010 às 21:48
Hey :)
Adoro o Tom, pah :p
O Tom ainda está a ver se os mata, ahah x)
Maiis :D
Beijinhos.


De ztiluak a 11 de Abril de 2010 às 22:07
Desculpa nao ter comentado o outro capitulo! Tu escreves tao bem que ate me das inveja.

O concerto foi maravilhoso, e nem acredito que ainda nem uma semana passou.

As reaçoes deles sao tao engraçadas, espero que ela nao faça nenhum disparate a conduzir xD

posta mais pff


De Caroll a 12 de Abril de 2010 às 00:36
E no proximo capitulo:
Ah e tal, Alice descontrola-se graças ao F.A.B.U.L.O.S.O. Tom Kaulitz e espeta-se contra uma árvore. Ambos morrem e ficam suuuuuper desiludidos por nao poderem fuckar no céu, já que o abono do Tommy até ia deixar Deus com uma cara de "GOD, eu criei aquilo?!" e depois aquilo ia ficar tudo muito gay e-

Eu tenho mesmo que ir dormir --.
Capitulo fantaaaaastico, quero o proximo *-*

Amo-te.


De Melancia a 12 de Abril de 2010 às 17:36
Lol, amei este capitulo. Está tao queridooo! P´ra alem disso dava tudo para ter umas aulas particulares de condução com o Tom lol. Bem mas a cumplicidade que os une é mais que evidente no capitulo. Gostei do modo como ele mostrou ser atencioso quando ela disse que nao conduzia e o facto de ele ter perguntado se a mae sabia que ela estava com ele. Penso que demosntrou o respeito que tem por ela!

Continua :)


De Maria a 9 de Maio de 2010 às 12:32
Olá querida! :)
Eles são tão queridos juntos...gosto bastante da personalidade de Alice...e gosto do comportamento do Tom com ela, não está numa de a seduzir e pronto! =p
Vai ensina-la a conduzir! ehehe
Beijinhos grandes, dear!


Comentar post

Song.

One Republic - Secrets

Download this Mp3 @ Booster MP3

Anteriormente

Feliz Natal

Psychiatrist Me #2

Psychiatrist Me #1

Assusta-me

Arquivo

Votação

Queres a proxima fic baseada na musica:
Alien
World Behind My Wall
That Day
Phantomrider
Attention
Zoom Into Me
In Your Shadow (I Can Shine)
  
pollcode.com free polls
online