Fics

online
Love is not a feeling... It's strength.
Domingo, 8 de Novembro de 2009

29º Capítulo - Espera por Mim

Hey,

Têm o direito de me rogar pragas de novo mas... desta vez as questões não são de tempo. Eu simplesmente não sei como escrever, está tudo cá dentro mas não...tipo, não sai.

É horrível, tantas e tantas ideias. Tenho o meu bloco de notas cheio de ideias para a fic e notinhas e cenas dessas e quando chego a casa fico a olhar para o ecrã e simplesmente não sai nada.

É mau, muito mau. E espero sinceramente que seja uma fase.

Escrevi isto agora mesmo, num momento um bocado esquisito xD.


Novas comentadoras (:D) welcome, e oh meu deus(!) Melanciaaa!!! Capítulo para ti (:


Beijinhos,

Marii K.

 

 

Capítulo 29

Irritação
 

            Atirei a mala para o chão e afaguei os braços. Começava a ficar frio. Já tinha dado o segundo toque e não tinhas chegado. Achei que não tinhas acreditado quando disse que estaria onde estivesses, e se fosses faltar á escola me deverias avisar. Ia ter contigo, a qualquer lado, mesmo sem ter a mais pequena razão. Mas era triste haver tantas e todas tão tristes. Decidi então desistir, agarrei na mala e ia deixar o portão da escola quando vejo Allison a sair a correr do carro, esfregando os olhos negros. Estava com realmente mau aspecto. Abrandei mais o passo para me poder cruzar com ela.

            Assim que isso aconteceu, observei-a baixar o rosto e fungar tentando manter alguma posição.

            - Olá Allison – saudei, baixo. Não sabia se o deveria fazer.

            Vi-a colocar os dedos nos cantos dos olhos para talvez reter de novo as lágrimas e depois acelerou o passo, sem me responder e como se não me tivesse visto. Senti-me de novo egoísta e com uma necessidade dura de ir ter contigo de novo. Para ver que realmente tudo o que tinha feito tinha uma razão, uma razão tão plausível. A razão tinhas que ser tu, e o facto de eu ter de me manter fiel ao meu coração.

           
*
 

            - Não percebeste a parte de me ligares quando ficas pior, e quando não vais à escola? – Perguntei irritado.

            Sorrias, com a cabeça encostada numa almofada. Não parecias pior.

            - Eu não estou pior Bill.

            - E também não percebeste que quero que me digas a verdade sobre o que sentes, quanto a isso… - constatei.

            Sentei-me no sofá, aos teus pés e continuavas a sorrir, de repente soltaste uma gargalhada.

            - Oh Bill, ficas tão cómico assim irritado

            - Tenho razões para estar irritado! Eu quero estar contigo!

            Coçaste o nariz e levantaste-te do sofá, desligando a televisão. Quando te sentaste de novo e colocaste as pernas sobre as minhas senti tanto calor como nunca tinha sentido. Tentei reprimi-lo, aquele não era, de todo, um bom momento.

            - Tu estás comigo Bill. E eu não estou mesmo pior. Hoje estou em casa por outras razões.

            - Ai sim?! – Esforcei-me para continuar zangado – Quais?

            Deslizaste as pernas e sentaste-te ao meu colo. Eras tão pequena, sentia-te tão leve que parecia ter uma criança no colo. Colaste os lábios aos meus e deixaste-me suspenso de novo. E era mais e mais calor, e eu apenas o queria combater. E consegui.

            -Hoje é o dia em que Miss Charlotte Baudelaire faz 17 anos – Sorriste como uma criança e baloiçaste as pernas. – E podes ficar descansado porque te vou avisar sempre de tudo. – Olhaste-me penetrante e sorriste de novo – Ou se calhar vou-te mentir só para te ver irritado. A sério que tem piada

            Sorri também e beijei-te.

            - Parabéns. – Murmurei contra os teus lábios - Porque não me disseste?

            Encolheste os ombros e escorregaste para trás, deitada de novo no sofá enquanto agarravas a minha mão.

            - Seria um dia como os outros.

            - Não, seria um dia especial… - Corrigi.

            - Os dias especiais são aqueles que achas que vão ser normais. Mas depois não são.

            - Então hoje vai ser especial, porque eu achava que ia ser normal

            - Exactamente – Continuavas a mexer na minha mão com um sorriso adorável.

            - Estás à espera do quê? Vai-te vestir

            - Onde vamos? – Apertaste a minha mão com um olhar de entusiasmo.

            - Não faço a mínima ideia, mas veste algo quente, está um gelo lá fora.

            Levantaste-te rapidamente do sofá e correste até ao quarto, para depois sair com o casaco de xadrez azul e cinzento que eu relembrava naquela tarde onde percebi que nada estava bem. Hoje o casaco iria de certeza trazer-me outras memórias mais felizes que não estas.

            - Tu é que vais ter frio Bill. Paramos em tua casa para ires buscar qualquer coisa.

            Agarraste-me e na mão e arrastaste-me até ao carro.

            E no momento em que estava a conduzir contigo ao meu lado, deu-me a sensação que iria ficar contigo para sempre. Num calor estonteante, num fascínio longo e perdurante, numa paixão sem contagem decrescente. Numa eternidade que não aconteceu.

 

 

Song: Lost - Episode 3 :D

publicado por Marii R. às 21:39

link do post | Comenta e o Tom levanta a camisola | favorita-me
|

abdominais:
De Neneh a 8 de Novembro de 2009 às 22:10
Olá

Gosto da tua fic. Escreves muito bem *.*

Passa pelo meu :D.

Beijinhos.


De Tommazinha a 9 de Novembro de 2009 às 17:42
Ohhhhhh
Estão tão in love *.*

Tenho mesmo pena da Allison porque apesar de tudo ela não merecia o que lhe está a acontecer mas também acho que o amor do Bill e da Charotte não merecia que fosse ignorado, por isso estou e não estou triste xD
E são os anos dela =D
Quero saber o que é que estes dois meninos vão fazer...boa coisa não é de certeza!!!
Quero mais e maissssssssss

OMG... Tou mesmo mas mesmo viciada na fic!!!

Bjnhoooo


De Caroll a 9 de Novembro de 2009 às 18:16
Meu Deus, esta fic deixa-me com a barriga às voltas. E a musica... ainda mais!

Eu... vou chorar no fim da fanfic, nao vou? Vou chorar baba e ranho como à muito nao choro, e começar aos berros com o computador como fiz com o fim da Talvez no Futuro, ou na Segurança do Amor.

Tens sempre que me pôr a chorar, pah <z Nem que seja de alegria xD Quero o proximo mal possas, amor. Beijinhos, amo-tee.


De Melancia a 9 de Novembro de 2009 às 18:27
Olaaaa! Obrigada pelo capitulo :)

Ohh, este capitulo e amoroso! A irritação do Bill foi sem duvida a melhor parte, achei-o taooo querido, alias a própria Charlotte achou lol. Penso que ele tambem mostrou ser bastante humano quando cumprimentou Allison. Por outro lado a reaccao dela e compreensivel, apesar de o Bill ter tomado aquela decisao apenas para n a magoar. Amei :D

kuss


De ztiluak a 9 de Novembro de 2009 às 20:28
adorei o Bill zangado e ela a rir-se! Eu amo o tique dela de coçar o nariz, tem tanta piada so de imaginar! Fiquei com pena da Allison mas talvez ela encontre alguem...
adorei a meniera como acabaste o capitulo

posta mais


De SoniaKaulitz a 10 de Novembro de 2009 às 14:43
* _ * QUe LINDO!!!
BEm eu estranhei a tua ausencia ...mas pensei que fosse mesmo falta de tempo....nao acredito em nada do que disseste.... o.Ô
Como é que se está com dificuldades em escrever as ideias se depois escreves isto? Está perfeito, olha eu nao notei dificuldade nenhuma, estas taum bem como sempre, es fantástica escreves como ninguem ....e ainda me deixas assim sei lá como qd leio o que escreves...e simplesmente adoro ficar sei lá como.
Isto pareçe comentario de uma traslocada ( secalhar é mesmo) mas espero que esta tua fase passe depressa e que os postes voltem a ser mais regulares se nao eu tenho de ir po psicologo ver se controlo a ansiedade.
Bjinhos...fika bem .


De ∞ quinn a 10 de Novembro de 2009 às 18:00
Hey :)
Sei que tou farta de dizer isto, mas eles são tão amorosos *o* Não me canço de o dizer ^^
Quero mais :D
Beijinhos


De Maria a 14 de Novembro de 2009 às 15:28
Hi sweety! :)
A Charlotte faz 17 anos... :P
O Bill sempre preocupado com ela, mesmo querido esse rapaz! E ela a rir da cara de zangado dele, deve ficar mesmo fofinho quando está zangado! :D
Vou ler o próximo capítulo...
Beijinhos muito grandes, dear!
:D


Comentar post

Song.

One Republic - Secrets

Download this Mp3 @ Booster MP3

Anteriormente

Feliz Natal

Psychiatrist Me #2

Psychiatrist Me #1

Assusta-me

Arquivo

Votação

Queres a proxima fic baseada na musica:
Alien
World Behind My Wall
That Day
Phantomrider
Attention
Zoom Into Me
In Your Shadow (I Can Shine)
  
pollcode.com free polls
online