Fics

online
Love is not a feeling... It's strength.
Domingo, 20 de Setembro de 2009

18º Capítulo - Espera por Mim

Hey

Hoje comprei o Zimmer 483 e o Leb die Sekunde Behind the scenes :D

Tou cansada pah =/

Não prometo post amanha, mas vou tentar


Capítulo para a Tommazinha (:


Beijinho,

Marii K.

 

 

Capítulo 18

Lealdade
 
 

            De quando a quando pensava na razão de a amar. Procurava naqueles cinco anos, a razão que me tivesse levado a beijá-la, que me tivesse levado a esta vida tão cheia por ela. Onde ela era o centro, onde deixei amigos, deixei família e sonhos. Desisti de tudo por ela. E o amor que sentia por ela era seguro. Era simples e era fácil.

            Não me passava pela cabeça deixá-la. Depois de tudo.

            A razão de a amar talvez fosse a segurança. O seu aspecto atraente, o seu sorriso caloroso que me levava a fazer tudo. Seria isso legal?

            Pergunto-me se ela me conhecia. Ou se seria apenas a sua própria fabricação. Pois tudo o que eu me tornara era dela. O namorado de Allison. O namorado perfeito de Allison. Eramos iguais. Seriamos? Ou seria eu igual a ela?

            Foi tudo o que me deixaste a pensar quando me disseste uma frase fugaz antes de virar costas:

            - Ela não te conhece.
            Terias tu maturidade suficiente para dizeres aquilo?

            Nunca pensei na barreira de idades a não ser naquele momento. Quando as tuas frases eram tão verdadeiras que me faziam duvidar de ti em vez de mim. Talvez porque fosse uma mentira que eu andava a viver. Tentando resistir-te quando o sabia impossível.

            Apesar de me doer. Eu sabia o que tinha a fazer. Deitei-me e esperei que acordasse cedo na manhã de domingo para me dirigir à casa-de-banho das raparigas na escola. O sono abateu-me, e o inconsciente também.

 

            - Se me tivesses dito mais cedo tudo era melhor! Talvez não me deixasses assim Bill. Talvez… talvez tivéssemos ficado juntos noutra altura que não agora – Disseste desapontada.

            - Como podes dizer isso? Não dá porque eu amo a Allison!

            - Não amas. Amas-te a ti próprio e tudo o que queres é não ficar sozinho. Precisas sempre de alguém. E porquê? – Paraste por um segundo enquanto eu sentia a face tornar-se escarlate de raiva. – Tens alguém que te pode acompanhar sempre, tens o teu irmão e estás a ignorá-lo. A Allison sabe disso? Sabe Bill?!

            Abanei a cabeça. Tentei agarrar-te, mas eras só alma, não havia corpo. Não havia atracção. Era apenas a tua alma. E era isso que eu amava acima de tudo.

 

            Eram sete da manhã. Encostei a cabeça à mesa-de-cabeceira e tentei concentrar-me no real. Não, não me tinhas dito aquilo. E nada daquilo iria acontecer hoje. Porque ambos sabíamos que nós os dois não íamos resultar. Tu eras nova. Eu tinha namorada. Éramos diferentes. O beijo era pura atracção.

            Agarrei no telemóvel e vesti-me sem tomar o pequeno-almoço. Dirigi-me imediatamente para a escola e depois para a casa-de-banho das raparigas. Estranhei tão pouca segurança naquele Liceu, mas senti-me satisfeito quando vi o teu número embutido naquela porta. Gravei-o no telemóvel e dirigi-me de novo para casa, enquanto arranjava a coragem necessária para carregar no botão verde e dizer tudo o que não queria dizer.

             Porque era lealdade que te devia a ti e a ela. E sobretudo…a verdade. Mas não foi isso que fiz. Magoei-te e não merecias.

            Peço-te desculpa. Peço-te que me perdoes mais uma vez, apesar de já o teres feito. Mas talvez seja o acréscimo que nos tenha separado agora. E eu sinto culpa. E não a quero sentir. Quero ser apenas inundado pelo amor com que sempre me rodeaste. Quero esquecer os erros. Quero esquecer de que já não estás aqui.

            És o meu anjo. E eu descobri-te. E mais uma vez, como esperei antes… tenho de esperar agora.

           

            Digo-te a verdade, nunca mais te vou mentir:

                        Éramos diferentes.

                        Não um do outro… mas sim, do mundo.

 


publicado por Marii R. às 22:14

link do post | Comenta e o Tom levanta a camisola | favorita-me
|

abdominais:
De Caroll a 20 de Setembro de 2009 às 22:33
A Charlotte morreu?
Gott, é o que me dá a entender no meio de isto tudo. Ele fala como se se arrependesse de cada segundo que perdeu com ela e... gott.

tu sabes que me deixas sem palavras com cada capitulo, sabes que eu nunca sei bem o que dizer.

És o meu anjo.


De Tommazinha a 20 de Setembro de 2009 às 23:03
Hallo!!!
Meu? Obrigada linda ;)

Este rapaz é um indeciso, já não sabe o que quer. Quando está com a Charlotte tem a certeza de que a ama e que é com ela que quer estar, mas quando se afasta já diz que foi uma simples atracção e que ama a Allison.
Ai, ai!!!
Cada vez mais viciante =D

Bjão grande ;)


De Ritaa a 20 de Setembro de 2009 às 23:37
E, mais uma vez, conseguiste arrebatar-me com a perfeição e simplicidade das tuas palavras. (:
Tornas tudo, de certa forma, complexo e cheio de mistério, o que me alicia e vicia mais a cada instante. Deixas-me sempre um tanto confusa, levando-me a ansiar por mais; a querer resolver os quebra-cabeças que tu formas na minha cabeça.
Escreves com um sentimento estremo, e acredita que ele transparece para fora do ecrã. As palavras conseguem trazer com elas o calor que as envolve, conseguem transportar os momentos e torná-los reais. Eu consigo visualizar cada capítulo, de verdade.
Este amor controverso entre o Bill e a Charllote fascina-me, tal como a forma que ele precisa da Allison.
E vale a pena dizer que estou terrivelmente ansiosa por mais?! (;


De a 21 de Setembro de 2009 às 15:15
Hey :)
Gostei deste capitulo, particularmente as ultimas frases "Éramos diferentes. Não um do outro… mas sim, do mundo."
E agora o Billinho vai pegar no telemovel e dizer o que sente pela Charlotte ^^ (como se tudo fosse assim tão facil, Sara '--)
Quero mais :D
Beijinhos



De Ritiik a 21 de Setembro de 2009 às 15:58
Hey!
OMT, isto vai péssimamente mal na cabeça do Bill.
Estou com pena dele :S
Ai Gott, mais, Mariana :p
Beijinho *


De ztiluak a 21 de Setembro de 2009 às 19:10
depois de um dia de aulas sabe tao bem ler este capitulo!


Adorei casa frase que escreveste. Agr quero saber o que vai acontecer quando ele lhe ligar. posta mais!


De Maria a 21 de Setembro de 2009 às 19:17
Hi sweety! x)

O Bill está cada vez mais confuso, coitado...num momento tem a certeza que ama a Allison e no outro tem a certeza que ama a Charlotte!
Mas ele tem mais em comum com a Charlotte do que com a Allison...ele e a Charlotte dão-se super bem. :P

Posta mais, sim querida?
Beijinhos muito grandes, dear!
:D


De mariianna a 21 de Setembro de 2009 às 20:11
Marianaaa, eu amei, mas amei mesmo este capitulo.
Tu escreves tãão bem ! A história parece que vai por um caminho e de repente vira mas continua perfeito.
Ele gosta mais da Ally, sim ! Ele não é o 'namorado da Allyson' mas sim 'O Bill, o Namorado da Allyson'.
Ele vai falar com a Charllote não vai ? Ele vai 'acabar' com ela, não vai ?

Quero mais,
Beijinhos

P.s. TEAM ALYY !!


De T'Girl a 24 de Setembro de 2009 às 23:11
primeiro de tudo desculpa nao ter comentado mais cedo... sabes como é na tinha vindo à net

segundo.. ecreves tao bem *.*

terceiro... o que é que se passa??? fiquei baralhada com este capitulo

mas vou ler o outro a ver se fico a perceber melhor as coisas

beijinhos


De Joaninh@_Kaulitz ^^ a 2 de Outubro de 2009 às 13:17
Olaaa Olaa!!

Nem tenho palavras para descrever este caitulo!!

Esta completamente fabulos, espectacular, perfeito e lindo!!!

jokinhas grandes =)*


De Melancia a 1 de Novembro de 2009 às 21:22
AMEI! Este capitulo esta simplesmente UNICO!
A conclusao a que ele chegou no final do capitulo retira todas as duvidas acerca daquilo que o perturba, daquilo que o assemelha a ela. Ele pretende ser justo para com ela e para com Alison, mesmo sabendo que a justica sera ofuscada pelo contrario! Esta lindamente descrito! Amei!

kuss


Comentar post

Song.

One Republic - Secrets

Download this Mp3 @ Booster MP3

Anteriormente

Feliz Natal

Psychiatrist Me #2

Psychiatrist Me #1

Assusta-me

Arquivo

Votação

Queres a proxima fic baseada na musica:
Alien
World Behind My Wall
That Day
Phantomrider
Attention
Zoom Into Me
In Your Shadow (I Can Shine)
  
pollcode.com free polls
online