Fics

online
Love is not a feeling... It's strength.
Quarta-feira, 9 de Setembro de 2009

10º Capítulo - Espera por Mim

Hey,

Eu mudei a musica, é ela que me tem inspirado nestes capitulos.

Gosto deste capítulo ;D

Comentários andam a descer de novo =(

Beijinhos,

Marii K.

 

Capítulo 10
Calor
 
 

Não sei porque apareceste assim. Ali. Naquele momento. Não sei porque razão estás agora aqui no meu coração.

Vieste para me curar? Vieste para mim, foste enviada?

És o meu anjo. Não podes voar. Não te podes ir.

Tens o meu coração e tens de o deixar comigo. Cura-me. Mais uma vez.

 
*
 

Os caminhos empedrados onde arrastava os pés, sempre me tinham dado algum conforto. Quando algum problema aparecia, o ar fresco purificava algo no meu coração. Deixava-o limpo e pronto para decisão. Era isso que eu procurava. Não a ti.

Mas quando senti uma mão tocar nas minhas costas, não pude evitar sorrir. Afinal não era o ar que me purificava, eras tu. E quis decidir conhecer-te naquele momento. Mas não sabia que podia, ou se devia. Ainda faltavam muitos ventos…

- Não sabia que vinhas aqui. Vens muitas vezes? – Perguntaste-me com um sorriso.

E a minha nota mental para reparar em algo mais do que os teus olhos fez efeito. Passei os olhos por uma camisa vermelha e preta axadrezada e umas calças de ganga escura, com umas botas pretas até meio da perna. Quando voltei o olhar para cima vi o botão da tua camisa aberto até um sítio onde supostamente não deveria estar aberto. E quando desejava manter-me calmo, naquela altura, um calor invadiu o meu corpo e sem querer ou pretender, olhei os teus lábios. Eram diferentes dos que tinha idealizado no sonho. Tinham uma cor muito vermelha e contrastante com os teus olhos. Harmonizava uma face perfeita, na qual eu me perdi. E queria só saber, se a tua boca tinha o mesmo sabor do sonho. Mas mais uma vez… não sabia que podia, ou se devia.

- Não… só algumas vezes. Mais quando tenho problemas – Respondi-te.

Começaste a andar, talvez incomodada pela forma como te tinha olhado. E preocupado com essa hipótese, segui-te num passo apressado.

- Então ainda bem.
- Ainda bem o quê?

- Ainda bem que não vens cá muitas vezes… - Constatas-te.

- Porquê? – Perguntei, atrapalhado.

Soltaste uma gargalhada sonora. Não era fina, não era como um guincho de um riso histérico. Era de certa forma melodioso, e eu só o desejava ouvir outra vez. Talvez hoje, noutro sonho… - Pensei.

- Porque quer dizer que não tens muitos problemas

- Ah!

- Mas no entanto, estás aqui hoje… - Sorriste e coçaste o nariz de uma maneira que me fez fixar-te ainda mais – Problemas, Bill Kaulitz?

Sorri, enquanto tentava parecer uma pessoa minimamente normal, para não te fixar de uma maneira assustadora. Decidi-me pelo empedrado do jardim municipal. Pelo menos não me provocava o calor que tu provocas.

- Porque que me chamas o nome todo? Bill Kaulitz! – Entoei num tom grave.

- Porque gosto. Porque me sinto importante conhecer uma pessoa tão conhecida e popular na escola. É realmente um orgulho!

- Estás a gozar comigo…

- Sim – Sorriste de novo e colocaste-te à minha frente, enquanto andavas para trás.

- Não devias
- Uh… Porquê?

- Porque sou conhecido e influente e popular na escola… - olhei de novo para ti, tinhas uma expressão divertida e os olhos tão brilhantes como da primeira vez que os vira. Prendi-me outra vez, e desci de novo para os lábios.

- Ah! Então isso quer dizer o quê?

- Que me devias dizer o teu nome também. – A voz não soou a pedido. Pelo menos orgulhei-me disso. – Charlotte… - tentei que ela continuasse.

- Não me parece… Eu gosto mais de combates injustos. Se queres descobrir o meu nome, faz como eu. Informa-te. Ou melhor… deixa que te infor –

Não acabaste a frase pois já estavas com um pé no ar. Nessa altura ainda não sabia o perigo que tu eras a andar. Tropeções atrás de tropeções.

Dei um passo a tempo de te agarrar, e de ficares encostada nos meus braços. Os teus olhos fixos nos meus e os lábios tão vermelhos mesmo na minha frente, como eu os desejava. O porquê de não avançar eu não sabia. Apenas explodiste num riso.

- Tu não sabes o perigo que eu sou na rua! Aparece uma pedrinha e eu tropeço logo nela…

E quando falavas o teu hálito era a brisa na minha cara, e eu pude distinguir algum do sabor exótico com que tinha sonhado. E tudo o que queria era ter a certeza de que os sonhos se podiam tornar realidade.

Mas finalmente equilibraste-te e sorriste de novo. Mas nem tinhas uma ponta de embaraço.

- Eu tenho de ir andando para casa. Jantar de família…

- Uhm – Consegui grunhir

- Obrigada pelo salvamento Bill Kaulitz.

Acenaste uma vez e viraste para o estacionamento, onde te vi subir numa mota violeta. Colocas-te o capacete e não me voltaste a olhar. Apenas desapareceste por entre o trânsito.

 


publicado por Marii R. às 23:02

link do post | Comenta e o Tom levanta a camisola | favorita-me
|

abdominais:
De Caroll a 9 de Setembro de 2009 às 23:49
Oh, atribuiste uma parte de ti à personagem *--*
Que querida x)

Eu sei que gostavas que o Bill te segurasse de todos os tropeçoes que dás, mas prontes, apenas te safam os amigos ou o chão xD
Oh, e se fosse o Tom ainda melhor, certo? u.u

Pronto, ok, eu paro xD

A musica é tao linda, viciei *--*
E o capitulo... Oh, tu ja sabes o que eu acho!

A rapariga sabe desviar a conversa, mesmo sendo dois anos mais nova do que ele. Gosto dela x)

Amo-te.


De Helena Manson a 10 de Setembro de 2009 às 08:50
O Bill está apanhadinho pela Charlotte x.x
O Bill salvou a Charlotte x.x
O Bill esteve a um passo de beijar a Charlotte x.x
Omg, estou a adorar *__________*
Posta mais depressa $:

Beijinhos ^^,


De T'Girl a 10 de Setembro de 2009 às 12:04
está tão lindo OMG

nem tenho palavras para descerever

asério

posta mais *.*

beijinhos


De Tommazinha a 10 de Setembro de 2009 às 12:31
Hallo!!!
Estava quase...
Mais um bocadinho e davam beijinho =D
Mas ainda não foi desta.
A Charlotte tem de tropeçar mais vezes, agora que tem o seu salvador!!!
Salvador Bill Kaulitz, parece-me bem xD
Escreve +++++++++++++

Bjão grande


De Maria a 10 de Setembro de 2009 às 12:48
Hi sweety! x)

Mais um capítulo que me deixou completamente babadinha...[adorei a descrição do que o Bill sentia ao estar perto dela...fantástico.* :D]
Percebo perfeitamente porque o Bill está apaixonado por ela...é uma rapariga diferente no bom sentido, interessante e pelos vistos muito bonita...gosto imenso da maneira de ser dela.. :D

Posta mais, sim querida?
Beijinhos muito grandes, dear!
xD


De ztiluak a 10 de Setembro de 2009 às 14:21
eu queria um beijo. Amei o capitulo! Amo a tua fic e o que escreves!

posta mais


De Ritaa a 10 de Setembro de 2009 às 15:01
Amei a música; amei o capítulo; e amo a tua forma de escrever! *.*
E fico sem palavras para comentar tamanha perfeição. =$
A forma como a Charlotte coloca o Bill é tão bonita de se ler, e ao visualizá-la faz-me sorrir. (:
Ele devia tê-la beijado! *--------* Oh, mas depois isso seria trair a pobre da Ally. :/ Mas, vejamos... Ele não está já, de certa forma, a fazê-lo? Quando ele tem este tipo de pensamentos e "quereres", já não está a ser muito fiel. *isto no meu ponto de vista*
Mas, wtv, eu QUERO É MAIS! ^^


De Melancia a 13 de Setembro de 2009 às 20:53
Ah lol. A cena do "salvamento" esta bastante comica e romantica. Bem, neste capitulo torna-se ainda mais explicito o efeito que ela exerce nele. As descricoes feitas em relacao à influencia de cada gesto dela nele demosntraram exactamente isso. Amo as metafora que utilizas para esclarecer as reaccoes do Bill.

kuss


De Joanne a 14 de Setembro de 2009 às 20:01
Opah, eles têm química, é inevitavel! >.<
Achei giro ela ter tropeçado o Bill ter salvo. Ele está mesmo apaixonado por ela, por mais que resista eu acho que ele não vai conseguir.
Desculpa mais uma vez nao comentar, andei a contribuir para a falta e comentarios, descupa mesmo :'(


De Joaninh@_Kaulitz ^^ a 2 de Outubro de 2009 às 12:34
Olaa Olaa!!

OMG!! Eles ficam tão fofos +.+

Acho quec ele devia decidr dar uma portunidade a Charlotte!!

Aquela rapariga é mesmo alegre!!


jokinhas grandes =)*


Comentar post

Song.

One Republic - Secrets

Download this Mp3 @ Booster MP3

Anteriormente

Feliz Natal

Psychiatrist Me #2

Psychiatrist Me #1

Assusta-me

Arquivo

Votação

Queres a proxima fic baseada na musica:
Alien
World Behind My Wall
That Day
Phantomrider
Attention
Zoom Into Me
In Your Shadow (I Can Shine)
  
pollcode.com free polls
online