Fics

online
Love is not a feeling... It's strength.
Segunda-feira, 7 de Setembro de 2009

8º Capítulo - Espera por Mim

Hey ;D

Obrigada pelos coments.

Agora estou numa terapia muito interessante a fazer legendas em ingles para a entrevista inteira da Viva TV xD. Depois meto os links para quem quiser.

Neste capítulo não há Charlotte nem conversas interessantes como vocês dizem x)

Beijinho,

Marii K.

 

Capítulo 8

Diz-me
 
 
 

            Posso querer saber quando descobri que estava apaixonado por ti. Mas a verdade é que não sei. A verdade é que gostava de saber esse momento. Para me ter lançado logo nos teus braços. Se tu o quisesses, se tu me amasses como eu te amo agora, incondicionalmente. Preciso que mo digas mais uma vez. Preciso de ti agora. És a minha vida, a única pessoa que quero comigo.

 
*
 

            Como não precisas de alguém? Toda a gente precisa de alguém! A família pode sempre completar uma parte… mas todos nós precisamos do amor. Não conhecias? Não sabias como era o amor? Pois não sei como o podes dispensar…dispensar algo assim.

            Abri o embrulho de uma vez e deparei-me com um gorro cinza, liso. E agarrei-a pela cintura.

            - Oh adoro Allison!

            - Pois eu vi-o numa montra quando estava a ir para o concurso e achei que tu ias gostar… - sorria inocentemente enquanto me olhava fixamente.

            Encostei os meus lábios aos dela e deixei-me levar como sempre. Como sempre a amava. Num toque delicado percorri a sua barriga com os dedos e deitei-a na cama, beijando-a de seguida. Todos os movimentos seguintes foram expressos com amor. E quando a senti bocejar e encostar a cabeça no meu peito, senti-me completo. Olhei de novo para o gorro na sua mesa-de-cabeceira e de repente aquele cinza levou-me aos teus olhos. Achei que afinal o que tinhas dito era mentira… Tu precisas sempre de alguém, mesmo que tenhas uma família completa. Esperava que encontrasses alguém para sentires esse amor.

            - O Hecto ainda não disse nada do teu cabelo? – Perguntou de repente.

            - Não… Nem acho que vá dizer.
            - Porquê?

            - Não sei, mas tenho um pressentimento… Já não é só a Charlotte que é diferente, agora eu também e tenho a certeza que virão mais quando perceberem que não há perigo.

            - Quem é a Charlotte?

            Engoli em seco. Então afinal ninguém sabia mesmo o nome dela. Era só eu?

            - A rapariga do… cabelo cor de rosa.
            - Ah! A Pinky?

            - Sim… - Murmurei tristemente. – Sabes Ally, não devias tratá-la por essa alcunha. Não tarda chamas-me a mim esfregona?

            Levantou-se do meu peito e olhou-me com uma expressão confusa.

            - Qual é o problema de dar alcunhas? Toda a gente tem uma.

            - Mas as pessoas têm nomes… Podias chama-las por eles. Afinal é esse o objectivo.

            Abanou a cabeça negativamente e deitou-se de costas na cama.

            - Como sabes o nome dela?

            - Ouvi por aí. – Respondi. Não estava a mentir pois não?

            - Hum… Também ouviste a idade dela?

            - Não. – Não entendi para onde a conversa estava a levar.

            Levantei-me da cama e vesti os boxers, peguei no telemóvel que estava ligado em cima da mesa-de-cabeceira e tentei ligá-lo. Estava sem bateria…

            - Eu ouvi a idade dela – Ela murmurou.

            Olhei de novo para ela, continuava deitada a olhar o tecto.

            - E então?
            - Tem menos 3 que nós. Tem 16.

            - Está no 10º? – Perguntei, confuso. Não te dava essa idade, dava-te muito mais. Talvez pela atitude.

            - Não. Ouvi dizer que está no 11º, passou um à frente não sei porquê. Está em Artes… obviamente tem ar disso.

            - Hum… - Murmurei.

            Era verdade que a tua face me passava muitas vezes pelos olhos e que estavas constantemente dentro da minha cabeça. E então como não me teria perguntado ou apercebido da tua idade? Talvez não interessasse…

            Decidi naquele momento que não me interessava minimamente.

            - Bill – Ela chamou.
            - Sim?
            - Está tudo bem não está?

            - O quê? – Perguntei, voltando-me de frente para ela.

            - Nós…

            - Claro que está… - Tranquilizei-a. – Eu amo-te, isso não muda.

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                     

 

I'm: coisita dos olhos --'
Song: Viva TV intervieeew

publicado por Marii R. às 17:32

link do post | Comenta e o Tom levanta a camisola | favorita-me
|

abdominais:
De T'Girl a 7 de Setembro de 2009 às 17:46
mais uma vez está ESPECTACULAR

a Charllote está em artes bem me parecia... asfotografias... o cabelo

bem a Allison vai comoçar a desconfiar??? O.O

tadinho do Bill

beijinhos

p.s.: posta mais... espero que estejas melhor das coisitas dos olhos (alergias)


De Ritiik a 7 de Setembro de 2009 às 17:50
Hey! (:
Opaah, estou com pena da Allison, mas também acho que o Bill e a Charlotte ficariam melhor :S
Opah, Mariana, tu deixas sempre uma pessoa com vontade de ler mais e nunca parar =.
O Bill só pensa na Charlotte oO até um gorro compara aos olhos dela, man Ö
Quero mais!
Beijinho *


De Ritaa a 7 de Setembro de 2009 às 18:53
A Allison já está a notar que o Bill anda mais distante, não é? Eu não gosto particularmente dela, mas também tenho pena que eles acabem. >.<
Mas, por outro lado, quero ver o Bill com a Charlotte. *---*


De ztiluak a 7 de Setembro de 2009 às 19:57
Ela esta-se a aperceber que o Bill gosta da charlotte?

posta mais pff...

Estou a amar a tua fic...


De Helena Manson a 7 de Setembro de 2009 às 20:16
Não muda não o.o
O Bill gosta é da Charlotte *________*
Posta mais x)


De Tommazinha a 7 de Setembro de 2009 às 21:22
Hallo!!!
Oh, hoje não há conversas interessantes xD
Eu acho que o Bill está um pouco confuso, apesar de ter a certeza da paixão pela Charlotte.
Tenho pena da Allison, vai acabar por sofrer mas é a vida.
Veremos no que isto vai dar ;)
Escreve ++++++++++++

Bjão grande


De Maria a 8 de Setembro de 2009 às 10:48
Hi sweety! x)

Adoro a forma como o Bill fala da Charlotte...tenta sempre "defende-la"..
Ela é três anos mais nova que o Bill, mas isso não importa..ele ama-a e talvez ela também o vá amar um dia... :D

Quero mais, sim querida?
Beijocas muito grandes, dear!
:D


De a 8 de Setembro de 2009 às 12:27
Hey ^^
Gosto imenso dos pensamentos do Bill ^^
A Allison já anda a desconfiar...
Quero maiiis :D
Beijinhos


De SoniaKaulitz a 8 de Setembro de 2009 às 13:53
WOW....taum fixe, sem conversitas mas bastante bommm.
Nao entendo porque ele continua a dizer e a agir como se se a amasse como dantes...nao é verdade, nao acredito que ele goste das duas, ele esta apaixonado pla Charlotte, ne?
OPah posta depressa que eu tou a gostar tantooo =)
( ele nao diz a verdade a Allison pke nao a quer magoar, e porque deve gostar bastante dla, mas de outra forma) küss


De mariianna a 9 de Setembro de 2009 às 13:31
Tenho pena da Ally, gosto dela *amua* ! Não quero que o Billy a deixe.

Beijinhos


Comentar post

Song.

One Republic - Secrets

Download this Mp3 @ Booster MP3

Anteriormente

Feliz Natal

Psychiatrist Me #2

Psychiatrist Me #1

Assusta-me

Arquivo

Votação

Queres a proxima fic baseada na musica:
Alien
World Behind My Wall
That Day
Phantomrider
Attention
Zoom Into Me
In Your Shadow (I Can Shine)
  
pollcode.com free polls
online