Fics

online
Love is not a feeling... It's strength.
Domingo, 9 de Agosto de 2009

26º Capítulo - Odeio-te a Ti

Hey ;D

Obrigada pelos comentários ^^

Tenho de me despachar a postar xD

Estou a gostar tanto da nova fic *.*

 

Beijinho,

Marii K.

 

 

Vinte Seis
Dias e dias
 
 
           
 
Eram dias e dias. Passavam e deixavam o corpo de Bill cada vez mais dormente pelo contacto de Madeleine. Não sabia porquê e quando tinha começado aquela febre, mas a mais ligeira palavra que soasse a Mady ou Madeleine, revolvia-lhe o estômago e deixava uma vontade infindável de descobrir o seu cheiro, o seu toque, e as suas palavras.
Queria conhecê-la tão bem como se conhecia a si, mas a coragem não ajudava.
- Isto é atraso de vida Bill. Já nem é estupidez nem cobardia. És um atrasado mental. - Suspirou Tom, já tão absorvido de ver o irmão empoleirado na janela da frente.
 - Não lhe ligues Bill! – Gritou Megan.
Pegou nas mãos do rapaz e puxou-o para a porta.
- Vai, agora. E não voltas aqui sem teres uma resposta a um pedido de jantar. OK?
- Megan… - Bill encostou-se à porta e ficou a fitar a amiga, como que arranjando coragem. – Eu não –
- Tu vais conseguir! Afinal que espécie de homem és tu?! Até ali o depravado do teu irmão tem uma namorada, e tu? Tu és bem melhor pessoa que ele!
- Hey! – Gritou Tom da sala.
- Sem ofensa – ripostou Megan para a sala, com um sorriso. E voltou a Bill – Tu consegues sim? Nem tens de dizer nada de especial.
- Megan… Ela viu-me numa orgia praticamente! – Queixou-se Bill.
- E eu vi várias vezes o teu irmão na casa-de-banho quando era mais pequeno.
Ouviu-se protestos na sala, visto que a conversa não devia agradar particularmente a Tom. Ele levantou-se e foi até à porta, para tomar a cintura de Megan e olhar o irmão com desaprovação.
- Vai lá antes que ela diga que sou feio e gordo, eu já não aguento mais isto…
E suspirou, arrastando Megan consigo de novo para a sala, que ia atirando insultos ao ar para Tom. Este atirou-a para o sofá e beijou-a, cerrando finalmente aquela conversa insultuosa. E no meio de toda aquela confusão fogosa, a porta bateu e Bill dirigiu-se corajosamente para a casa da frente.
Num passo tão acelerado, chegou à porta e bateu nela com uma força estrondosa.
- Oh, Bill, olá!
E o seu coração que estava tão acelerado, pareceu tornar-se mais brando, por ela ainda se lembrar do seu nome.
- Madeleine…
Ela sorriu e saiu para fora de casa, fechando a porta atrás de si e sentando-se nas escadas do alpendre, adivinhando já uma conversa longa.
- Não chegaste a vir naquele dia… - ela começou, observando-o a sentar-se.
- Pois… tive de…tive coisas para fazer.
- Hum – ela disse com um sorriso. – Então queres falar agora? Já estou a ficar preocupada…
Com um sorriso tímido estampado no rosto, Bill quase podia ver o seu embaraço reflectido no rosto dela.
- Não! Eu só queria… bem, acho que nesta altura vais achar muito estúpido visto que já passou tanto tempo, mas… eu só te queria pedir desculpa por aquela noite.
- Não tens de pedir desculpa… eu não tenho que julgar nada – ela esclareceu, desta vez séria.
- Mas podes julgar, e estás errada, entendes?
Bill arriscava e falava cada vez mais perto da sua cara, esperava que ela nunca mais o retirasse daquele lugar, mas acabou por se recostar e fixar o chão.
- Não entendo… Nem sinceramente entendo o…
E parou de falar, olhando mais uma vez para ele.
- O que foi? – Perguntou Bill.
- Nada, continua.
- Diz… Por favor.
- Não entendo o porquê… de estares aqui. – E parou imediatamente de novo, como que arrependida das próprias palavras, mas era realmente o que ia dizer. – Sem ofensa.
Ele ergueu-se dos degraus depois de um silêncio, e sorriu para as próprias mãos, com embaraço. Ela tinha razão, as coisas estavam a ser esquisitamente rápidas, mas nos outros momentos, longe dela pareciam tão lentos. Era repentino, disso tinham os dois certeza.
- Eu estou aqui porque não quero que fiques com uma ideia errada de mim. Eu nunca tinha feito aquilo, e foi apenas uma estúpida aposta com o meu irmão para o deixar a sós com a namorada. E acabou por se revelar tudo uma coisa que não fazia parte de mim. Só fiquei contente por ter conhecido mais alguém que também não aprova estas coisas e acha indecente… E queria que pensasses que sou diferente daquilo tudo e daquelas pessoas, da Ginger, da Naomi…
- Ela é tua prima não é? A Naomi?
Bill assentiu com a cabeça e desceu mais alguns degraus, até ficar da sua altura.
- E pronto, era isto…que eu queria dizer.
Virou costas e caminhou até meio da estrada, quando novamente o seu nome foi chamado, desta vez mais alto. Mas com a mesma marca doce.
- Bill! Queres entrar?
 
 
 
 
 
 
 

 


publicado por Marii R. às 21:31

link do post | Comenta e o Tom levanta a camisola | favorita-me
|

abdominais:
De a 9 de Agosto de 2009 às 23:08
Hey :D
Hoje está tudo para se ofender xD Pobre Bill, devia de estar com uns nervinhos de estar ali ao lado dela =P Ele gosta da Mady, la la la ^^
Quero maiis, sim querida? :D
Beijinhos


De a 9 de Agosto de 2009 às 23:08
Weeeee, Primeira ^^


De Joanne a 9 de Agosto de 2009 às 23:29
Pronto, já me actualizei :D
Eu gosto mesmo da Mady, parece ser mesmo doce. Perfeita para o Bill. Só que por de trás dela, deve haver uma história... a minha cabeça já começou a trabalhar, á procura dos pequenos detalhes sabes xD O pai dela já sei que foi o rapaz que morreu quando a mãe da Megan morreu.. depois o Bill descreve-a dizendo que ela parece a Megan... hmm, aqui há coisa ;D
Estou super ansiosa por saber mais!
Postaaa :D
Beijinho


De SoniaKaulitz a 10 de Agosto de 2009 às 00:54
HUHUHU que fixe que esta a ficar....estes dois vao se enrrolar ...."Tu vais conseguir! Afinal que espécie de homem és tu?! Até ali o depravado do teu irmão tem uma namorada, e tu? Tu és bem melhor pessoa que ele" que LOOL =) bem aqui partime a rir .
BEm nao tenho aparecido por aqui pke n tem dado mesmo ...e ontem fiz aninhos e tal ....enfim mas hj li os capitulos em falta e digo_te ja que estao optimos n percebo pke n gostas do capitulo anterior ...esta taum bom quanto todos os outros e inda por cima é grande, o que é bem fixe para nós " papafic´s" .
E + o que que eu te keria dizer mais.......pera......há aquilo da one-shot de twc eu acho que estava bem gira se o casal em causa fosse um casal hetero, ou mesmo gay ou bi mas nunca dois irmaos inda por cima gemeos....que inda por cima sao os KAulitz os nossos KAulitz, faz-me bastante confusao que fans gostem daquilo, porque eu imagino como é que eles se sentem quando vêm videos , montagem horrivelmente absurdas deles na net sobre twc....acho que so se pode ser muito estupido para confundir a relaçao dles cm twc....a meu ver é uma forma de exprimir inveja em relaçao a eles...afinal nem toda a gente tem o privilegio de ter e de exprimentar o amor de irmaos....gemeos, quem n gostaria de ter sempre por perto um ser tao identico a nós, que conheçemos a 200% que esta presente em td...seja bom ou mau...que nos ama incondicionalmete...axo que isto nada tem a ver cm twc.
Esta foi so a minha humilde opiniao, mas é obvio que respeito todas as outras opinioes...o mundo era uma caca se todos achasse-mos o mezmo ....
DESCULPA_ME la este há parte mas eu tinha de dizer isto ok. POsta +
küss


De Helena Manson a 10 de Agosto de 2009 às 03:06
É claro que quer entrar 8DDD
Estava a ver que ela e o Bill nunca mais falavam ><.
Mais, sim? ^^.


De Maria a 10 de Agosto de 2009 às 14:21
Hi sweety! x)

Achei tanta piada às coisas que Megan dizia sobre o Tom! Oh..e o Tom a dizer que o Bill é um atrasado mental, coitadinho do maninho mais novo! Ele não é nada disso! :D

Ainda bem que o Bill explicou tudo à Madeleine...e ela convidou-o para entrar...lá lá lá!

Quero mais, sim querida?
Beijocas muito grandes!
:D


De Melancia a 10 de Agosto de 2009 às 17:06
Olaa! Desculpa eu pedi te o mail, mas ainda n consegui falar ctg. O msn as vezes n liga, ou sou eu q estou no msn a horas improprias lol. Hoje se puder vou :)

Bem, os capitulos estao a ficar cada vez melhores. Estou a amar. A estrutura do capitulo, mein gott. A conversa que trocaram foi tao pura. Era notorio que existe uma quimica entre eles, mas o que gostei mesmo, foi o modo como Bill mostrou ser honesto com ela. Ele disse-lhe aquilo que disse de uma maneira tao genuina, tao sincera. E a Mady e uma rapariga super espontanea. As accoes dela sao de caracter espontaneo. Estes aspectos fazem-los unir, tornando a sua relacao pura. AMO!
A parte inicila esta bastante comica com o Tom e a Megan. Continua :D

kuss



De Tommazinha a 10 de Agosto de 2009 às 20:11
Hallo!!!
Amei o diálogo entre o Bill e a Megan xD, "Até ali o depravado do teu irmão tem uma namorada"- Sorrial!
O Bill está cada vez mais apanhadinho pela Mady^^, pelo menos ela já sabe a verdade.
Quero ++++++++++

Bjão grande ;)


De tokiohotelfics_<3 a 20 de Julho de 2010 às 16:23
UI UI .. isto vai avançado !! ^^

Eu tenho uma leve impressao .. de que se vai passar alguma coisa entre eles !! :DD

Coitado do Tom .. a Megan disse que o Bill era melhor pessoa que ele !! :DD

Mais .. mais !! ^^

Bjs


Comentar post

Song.

One Republic - Secrets

Download this Mp3 @ Booster MP3

Anteriormente

Feliz Natal

Psychiatrist Me #2

Psychiatrist Me #1

Assusta-me

Arquivo

Votação

Queres a proxima fic baseada na musica:
Alien
World Behind My Wall
That Day
Phantomrider
Attention
Zoom Into Me
In Your Shadow (I Can Shine)
  
pollcode.com free polls
online