Fics

online
Love is not a feeling... It's strength.
Terça-feira, 21 de Julho de 2009

18º Capítulo - Odeio-te a Ti

Hey,

Sou uma bitch, tenho de passar a postar mais cedo, mas enfim.

Aqui estáá...capítulo para a Tommazinha e MaryKaulitz !

Not much to say... O TOM TÁ PODRE DE BOM E O BILL TÃO QUERIDO! *.*

Até estou com espasmos orgásmicos. oO

 

Beijinho,

Marii K.

 

 

 

Dezoito
5 perguntas
 
 
 
Depois de as pizzas serem colocadas no carro e Tom ligar o motor do carro, estava tudo em silêncio. Algo que não tinha acontecido nas viagens daquele dia.
- Queres ir ao cemitério? – Perguntou Tom, directo.
A sua mente vacilou. Queria ir, mas não sabia como iria ser com uma pessoa por perto, ir com Tom como um namorado, e não como o “Apêndice”. Cerrou o maxilar e coçou a cabeça, pensando numa possível desculpa.
- Não, vamos lá amanhã.
- Como vais lá todos os dias… - divagou Tom.
- Não vou todos, vou a maior parte deles. Tenho a certeza que a rosa aguenta umas horas. – Sorriu para ele e este enveredou pelo caminho directo a sua casa. O silêncio instalava-se novamente, e Tom pensava rapidamente numa forma de o preencher. Não queria deixá-la pensar demasiado. Sentia que se isso acontecesse ela poderia recuar de novo. E isso ele não iria aguentar, depois de tudo.
Optava então por pequenas declarações de amor, brincadeiras e conversas que lhe mostrassem que o seu sentimento era tão único que não podia ser vivido a sós.
- Estás tão calada Meg… está tudo bem? – Confessou. Não arranjava outro tema.
- Não estou calada… Que queres que diga?
- Ohh, tanta coisa! – Gracejou, pousando a mão na sua perna.
- Então que queres que diga?
Ele sorriu e voltou a colocar a mão no volante.
- Sei lá… fala do que quiseres, faz perguntas qualquer coisa. Este silêncio é que não! Ainda adormeço ao volante e ficas sem namorado no mesmo dia que o ganhaste.
- 5 perguntas – ela declarou.
- Força…
- Eu ganhei um namorado? – Perguntou com uma expressão impenetrável.
Tom riu-se e desviou o olhar da estrada para o fixar nela, com carinho.
- Basicamente sim… mas estás a desperdiçar perguntas com coisas óbvias.
- É obvio seres meu namorado? – Perguntou com o mesmo sorriso de gozo.
- Isso conta como uma pergunta?
- Não sei, diz-me tu.
- Claro que conta, tu não sabes fazer as coisas!
- Responde-me – pediu ela, a perder o sorriso.
- Claro que é óbvio, eu não fodo a mesma rapariga tantas vezes se não for minha namorada… - Movimentou o piercing como sempre fazia e Meg soltou um guincho de amuo.
- Estou a falar a sério Tom
- Também eu!
- Tom…
- Claro que sou teu namorado, pelo menos para mim… - disse confuso – Não sou para ti? Quer dizer nós…o que eu disse antes está correcto, fizemo-lo já umas quantas vezes…poucas para falar verdade – acrescentou – mas eu disse-te que te amava e tu também o disseste. Afinal o que sou para ti? Para mim não és mais nada senão namorada e amiga e eu…eu gosto mesmo de ti Megan.
Ela sorria.
- És capaz de ser meu namorado, sim… - admitiu presunçosa – isso tudo que disseste, conta como perguntas?
- Não sei, como quiseres! – Disse num riso.
- Conta só como uma. Agora faz mais.
- Odiavas quando eu te tocava?
Megan engoliu em seco, parecia ter dobrado a língua, não sabia o que dizer, não sabia porque fazia ele esta pergunta.
- Sim, mas – ele agarrou a sua mão e acariciou-a – mas agora já não.
- Odiavas quando eu estava contigo?
- Sim, - ele retirou a mão rapidamente e colocou-a no volante – mas agora não consigo estar longe de ti.
- Odiavas quando te olhava nos olhos? – Voltou a cara por um segundo, com uma expressão séria e os olhos focados.
- Sim porque não sabia o que fazer… mas agora é-me muito importante que o faças Tom. – Disse com a voz a tremer, todas aquelas perguntas assim, não lhe faziam sentido.
- Odiaste quando te beijei no rio?
- Não. – Desta vez disse-o com certeza e mais segura.
- Vais ficar comigo para sempre
- Acabaram as perguntas – tentou ela gracejar, debilmente.
- Não era uma pergunta, estava a afirmar.
Parou o carro em frente a casa e desligou o motor que de repente parecia que tinha feito um ruído ensurdecedor durante toda a viagem, mas no entanto o silêncio agora parecia mais leve.
- Afinal não odeias tudo.
Colou os lábios sobre os dela e acariciou-lhe a língua apenas uma vez, beijando de seguida o lábio inferior da namorada. Sorriu e abriu a porta do carro pegando o saco das pizas numa mão e tomando a mão de Meg na outra.
- Finalmente! Estava quase a morrer anoréctico. – Gritou Bill quando os ouviu entrar.
 

 

 

 

 

 

I'm: getting better

publicado por Marii R. às 23:53

link do post | Comenta e o Tom levanta a camisola | favorita-me
|

abdominais:
De Tommazinha a 22 de Julho de 2009 às 00:43
Msm intenso, este capítulo!!!
God, é com cada pergunta...msm de tirar o fôlego a uma pessoa.
A minha resposta preferida...
"- Claro que é óbvio, eu não fodo a mesma rapariga tantas vezes se não for minha namorada… - Movimentou o piercing como sempre fazia e Meg soltou um guincho de amuo." --> Msm à Tom =P

Obrigda pelo capítulo Marii ;)
Ah e concordo ctg, o Tom tá podre de bom XD

Escreve +++++++++ please...

Bjao grande =D


De rutef_47 a 22 de Julho de 2009 às 11:37
ola!!! a fic ta excelente... para variar :P

olha podes me ajudar com uma coisa sff? como e que se coloca um template no blog??

obrigada e beijinhos... fico a espera do proximo capitulo ;)


De Maria a 22 de Julho de 2009 às 12:02
Hallo sweety! ^^
Gostei imenso deste capítulo!
As perguntas que Tom fazia à Meg e as respostas que ela lhe deu foram mesmo cutes! :D
Opá, eles são um casalinho tão fofinho e querido! Gosto tanto vê-los juntos e felizes! ai ai

Gostei tanto do que o Bill disse: "Finalmente! Estava quase a morrer anoréctico. – Gritou Bill quando os ouviu entrar." --- mesmo funny, só mesmo o Bill para dizer coisas dessas!

Thanks pelo capítulo, querida! :D
E tens toda a razão em dizeres que o Tom está todo bom e o Bill querido! Eles estão mesmo HOT! :D

Kiss muito grande, dear!
xD


De nesa a 22 de Julho de 2009 às 12:08
Olá!

Eles os dois são tão fofinhos *.*
As perguntas e as respostas foram mesmo engraçadas!

Desculpa não ter andado a comentar...

Escreves mesmo bem^^

Quero mais,sim?

Beijinhos


De a 22 de Julho de 2009 às 15:02
Hey
"Claro que é óbvio, eu não fodo a mesma rapariga tantas vezes se não for minha namorada…" ahaha, parti-me a rir com esta parte xD Mesmo à Tom, pah xD
O Bill é um esfomeado ^^
Amo esta fic :DD
Quero mais,Beijinhos


De SoniaKaulitz a 22 de Julho de 2009 às 15:35
Hum Omg mas que coisa , pergunta para ca pergunta para la.....e so perguntas faceis para embaraçar a rapariga pah!
BAstante coiso este capitulo.....gostei mto.
"Claro que é óbvio, eu não fodo a mesma rapariga tantas vezes se não for minha namorada…" ESta foi mezmo ha TOm k.
Ha e ja agora a tua one shot da brutal fantastica.....n comentei pke agora comentava td a perguiça e mais k mta pa fazer 2 comentarios =)


De Joanne a 22 de Julho de 2009 às 20:08
Oh, eles são tão queridos! *---*
Eles não fizeram mal a ninguém, não pode ser :c
LOL o que eu me ri com essa ultima frase do Bill, ele é demais xD
Quero mais, esta fic é sem duvida das melhores que já escreveste ^^

Beijinho


De Caroll a 23 de Julho de 2009 às 20:07
Amoooooooooooooooooooooor *q*

Desculpa as eternidades que demorei a actualizar-me. Desculpa desculpa desculpa =$$$

Hey, eu nao te quero que acabes com o Blog, muito menos que estejas triste.

Tu sabes o quanto este blog é importante para mim, para nós.
Tens noçao que se ele nao existisse tu nao existias na minha vida?
E... apagá-lo, é como apagares uma parte da nossa amizade.

Por favor, podes deixar de postar, se nao quiseres mostrar mais as tuas fics, mas nao o apagues.
Este blog é uma parte de ti, e uma parte de mim.

E juro-te que isto nao é qualquer tipo de "chantagem" para tu nao o acabares.
É o que eu sinto.
E tu sabes que é verdade.

A fic está linda linda lnda, eu fico sem palavras para a descrever.
Oh, é tua. É perfeita. Ponto final xD

Maaais (aaa)

Amo-te <3

PS: Vou ler a one-shot


De Caroll a 23 de Julho de 2009 às 20:08
Fuck, este comentário era para estar no post seguinte O.o

Eu copio e ponho novamente no post a seguir xD


De Melancia a 23 de Julho de 2009 às 20:43
Hallo!

AMEI ESTE CAPITULO! Penso que é dos meus preferidos, pois justifica o tema geral da fic! Neste capítulo é mais que visível o sentimento que nutre dentro de Megan, todas as suas atitudes estão baseadas no sentimento, e nunca deixaram de estar, mesmo quando ela revelava ter uma reacção negativa! Ah e so um aparte, ameiii a frase do Bill no fim, achei-o taooooo querido! Alias tenho que admitir, sempre que tu encaixas uma terceira personagem, e quando é o Bill a desempenhar esse papel, tu fá-lo parecer um Bill com uma personalodade única. Nao estou apenas a concentrar-me nesta fic, em todaas no seu geral, a histotia tende a ficar mais engracada com ele! Continua :D

Küss


De tokiohotelfics_<3 a 16 de Julho de 2010 às 11:27
OMGGGGGG .. !!

Tá LINDOOOOOOOOOOOOO .. !! <333

Como o ÓDIO virou AMORR !! +.+

AMEIIII .. !! :DD


Comentar post

Song.

One Republic - Secrets

Download this Mp3 @ Booster MP3

Anteriormente

Feliz Natal

Psychiatrist Me #2

Psychiatrist Me #1

Assusta-me

Arquivo

Votação

Queres a proxima fic baseada na musica:
Alien
World Behind My Wall
That Day
Phantomrider
Attention
Zoom Into Me
In Your Shadow (I Can Shine)
  
pollcode.com free polls
online